Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Noticias 2017 Outubro Obra de alagoanos retrata cotidiano e personagens da feira de Viçosa
03/10/2017 - 12h46m

Obra de alagoanos retrata cotidiano e personagens da feira de Viçosa

Intitulado como “A Feira”, livro dos alagoanos Sidney Wanderley e Juarez Cavalcanti fez sucesso no estande da Imprensa Oficial Graciliano Ramos durante 8ª Bienal do Livro

Obra de alagoanos retrata cotidiano e personagens da feira de Viçosa

“A Feira”, livro dos alagoanos Sidney Wanderley e Juarez Cavalcanti, fez sucesso no estande da Imprensa Oficial Graciliano Ramos durante a 8ª Bienal (Foto: Flavia Matos)

Texto de Igor Gouveia

Imagine alguns velhos caixotes de madeira, frutas e verduras para todos os lados, pessoas caminhando de um canto ao outro, animais e muitas histórias para contar em um mesmo lugar. Foi assim, brincando com palavras e fotografias, que os autores alagoanos Sidney Wanderley e Juarez Cavalcanti decidiram escrever sobre a feira de Viçosa, município localizado na região do Vale do Rio Paraíba.

Intitulado como “A Feira”, a obra, considerada como um dos lançamentos mais bem-sucedidos da editora Imprensa Oficial Graciliano Ramos neste ano, fez parte da programação da 8º Bienal Internacional do Livro de Alagoas. Uma sessão de autógrafos dos autores surpreendeu muitos visitantes que estiveram no evento. 

“Dei uma folheada no livro e, ao ver os dois autores no estande, resolvi comprar. Além de ser muito bem diagramado, o livro parece ser muito bem contado e, principalmente, retratado, já que há muitas fotos da feira na obra”, conta a arquiteta Mariana Gusmão.

E, de fato, a impressão da visitante faz jus ao conteúdo do material. A Feira é um livro que reconta, com todos os detalhes, as cenas mais comuns de um tipo de comércio popular que, apesar de todas as mudanças da história, continua sendo bastante vivo, principalmente no interior do Estado. 

 

“Viçosa é minha terra natal e sempre achei aquela feira local muito interessante. Comecei a escrever sobre ela e, depois de uns anos, surgiu a ideia de convidar o Juarez para fazer um ensaio fotográfico que, de modo muito poético, pudesse ilustrar e contar a história de tantos personagens que ali estão”, diz Sidney Wanderley.

Com o conteúdo formado por dezenas de crônicas, poesias e fotografias, o livro é um convite para todos aqueles que, de alguma forma, querem não só conhecer as especificidades de uma feira, mas também os rituais e o caos organizado tão característicos das feirinhas existentes no interior nordestino.

 No olhar da fotografia

Um aspecto que também chama atenção na obra é o olhar fotográfico existente no material.  Explorando o território da cor, as imagens produzidas por Juarez Cavalcanti revelam detalhes em cenas comuns, a exemplo do abatimento de galinhas, frutas pisoteadas e cachorros comendo as sobras de comidas deixadas pelos visitantes. 

“Foi um trabalho muito interessante de se fazer. Foi, sem dúvidas, um prazer registrar a feira de Viçosa e, ao lado de Sidney, poder contar histórias tão bacanas”, completa o fotógrafo alagoano. 

Para conferir todos os detalhes do livro, basta visitar o estande da Imprensa Oficial Graciliano Ramos, montado especialmente para a oitava edição da Bienal, que acontece até o próximo dia 8 de outubro, no Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso, em Jaraguá.

Ações do documento